Postado em 22 de Fevereiro às 14h26

Transporte público elétrico

Energia Limpa (7)

Prefeitura de Volta Redonda, RJ, vai acrescentar dois ônibus elétricos para o programa 'Tarifa Comercial Zero'.

Volta Redonda, no Rio de Janeiro, vai ganhar mais dois ônibus elétricos para compor a frota do ‘Tarifa Comercial Zero’. Os veículos já estão empenhados e, de acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Joselito Magalhães, em aproximadamente dois meses, o primeiro dessas novas aquisições já deve ser entregue. E até o final do ano os três ônibus elétricos estarão funcionando na cidade.

“Na primeira etapa nós tivemos a consolidação do projeto com a população de Volta Redonda. Hoje já é indispensável esse meio de transporte que o ‘Tarifa Comercial Zero’ oferece na cidade. Por conta da grande demanda, nós resolvemos adiantar a vinda do segundo ônibus”, explicou Joselito.

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, lembrou que o objetivo melhorar o serviço oferecido na cidade. “Assinamos uma nota de empenho para mais dois ônibus como este, que roda na cidade, com Wi-Fi, ar condicionado e total conforto. Com a chegada desses novos veículos, o tempo de espera nos pontos de ônibus vai diminuir”, comentou Samuca. Atualmente o projeto já atende cerca de 30.000 pessoas por mês. 

Tarifa Zero

Revista Servioeste - Saúde e Meio Ambiente Tarifa Zero O ‘Tarifa Comercial Zero’ cria um shopping a céu aberto ao integrar os principais centros comerciais de Volta Redonda. O cidadão não paga nada para ir de um...

O ‘Tarifa Comercial Zero’ cria um shopping a céu aberto ao integrar os principais centros comerciais de Volta Redonda. O cidadão não paga nada para ir de um bairro ao outro. Isso facilita na hora de pesquisar preços, por exemplo. Melhora para o cidadão, para o comércio e para a mobilidade urbana.

Com ar condicionado, internet Wi Fi e ligações USB para recarregar aparelhos moveis, o Tarifa Comercial Zero circula de segunda a sexta-feira, das 8 às 19 horas, e no sábado, até as 14h. O veículo não polui o meio ambiente por ser elétrico, além de ser silencioso e confortável.

Texto: Ana Maria Mansur
Fotos: Divulgação/Secom VR

Veja também

Universidade de Chapecó adere à captação de energia limpa12/06/17São 220 módulos de painéis fotovoltaicos que transformam a luz solar em energia, disponibilizada no sistema elétrico da instituição. Ao caminhar pelos corredores da Universidade Comunitária da Região de Chapecó – Unochapecó é possível observar um conjunto de placas fotovoltaicas sendo instalado junto a um de seus blocos. O equipamento funciona como captador de energia solar e contribuirá com o fornecimento de energia elétrica para a Universidade de maneira......
Fontes renováveis na Cidade Maravilhosa12/06/17Famoso ponto turístico do Rio de Janeiro funciona há um ano com energia solar. Uma das principais práticas sustentáveis é a geração de energia limpa, seja nas casas, empresas ou nos espaços públicos. Trata-se de uma maneira de garantir energia oriunda da própria natureza, gerada de......
Transporte Público Limpo07/05/18Tarifa Comercial Zero começará a funcionar em maio interligando quatro centros comerciais da cidade de Volta Redonda, no Rio de Janeiro. No início de março, a prefeitura do município de Volta Redonda, no Rio de Janeiro, homologou a licitação da compra de três ônibus elétricos e, segundo informações da Secretaria Municipal de......

Voltar para NOTÍCIAS