Postado em 27 de Junho de 2017 às 17h18

Como manter a saúde durante o inverno

Vida Saudável (31)

Cuidado com o choque térmico ao sair de ambientes aquecidos.

As variações de temperatura de um ambiente para outro necessitam de atenção especial. Ao sair da academia, por exemplo, para encarar as baixas temperaturas no ambiente externo, é fundamental agasalhar-se. Afinal, o corpo está aquecido em função dos exercícios e do ambiente fechado e o impacto entre frio e calor pode facilitar o aparecimento de doenças.

A orientação também é válida para os momentos de sair de casa ou do trabalho, onde o ambiente costuma estar relativamente quente. Além de se agasalhar de maneira adequada, outras medidas são essenciais para manter o corpo aquecido e, com isso, evitar renites, sinusites, resfriados, dores nas articulações, entre outros problemas.

Confira algumas dicas do médico ortopedista e traumatologista Joaquim Reichmann para manter a saúde no inverno.

Revista Servioeste - Saúde e Meio Ambiente - No inverno os músculos ficam mais enrijecidos e, por isso, o alongamento é fundamental. É essencial para destravar ossos, músculos e nervos, fazendo com que o sistema...

- No inverno os músculos ficam mais enrijecidos e, por isso, o alongamento é fundamental. É essencial para destravar ossos, músculos e nervos, fazendo com que o sistema locomotor funcione plenamente e com facilidade.

- Com relação às caminhadas, nos dias de frio intenso, é necessário proteger adequadamente as extremidades como mãos, pés, orelhas e nariz, pois a circulação pode tornar-se difícil nestas regiões do corpo.

-  É importante manter o cuidado com relação à hidratação e, portanto, ingerir água é crucial para reposição de líquido corporal.

- Ingerir líquidos quentes nos dias frios (chás, café e chocolate quente) também auxilia na manutenção do calor corporal, porém é preciso evitar o exagero no consumo desses produtos.

- Evitar banho com água muito quente, pois provoca ressecamento da pele e não permanecer em exposição prolongada nos ambientes com ar condicionado.

- Pessoas com alergia devem ficar atentas a cobertores que soltam pelos. A substituição por mantas de tecido sintético ou algodão pode ajudar na prevenção de rinites e outros quadros alérgicos.

- A exposição de mantas, cobertores e blusas de lã ao sol antes de usar também auxilia na redução de alergia.

- O cuidado com o sol deve ser mantido no inverno com o uso de protetores, especialmente quando o céu estiver limpo.

- A circulação do ar evita a transmissão de vírus e bactérias e, por isso, é fundamental evitar locais totalmente fechados. A higiene doméstica em dia também é uma medida que previne problemas alérgicos.

 

*Informações MB Comunicação

Veja também

Diabetes: uma doença silenciosa22/12/17Pesquisa revela que diabetes cresceu mais de 50% na última década. Por Samara Grando O número de brasileiros diagnosticados com diabetes cresceu 61,8% nos últimos 10 anos, passando de 5,5% da população em 2006, para 8,9% em 2017. O diabetes é uma doença crônica caracterizada pelo aumento da glicemia (glicose no sangue), que leva a sintomas como cansaço, excesso de sede e de urina, visão turva e emagrecimento......
Alimentos que combatem o estresse09/06/17As circunstâncias do nosso cotidiano criam situações de estresse. Porém, uma alimentação balanceada pode ajudar a manter o temperamento controlado. O estresse pode ser desencadeado por situações adversas, quando a pessoa encontra-se em um momento de constante pressão e esgotamento emocional. A longo prazo, um caso de estresse crônico pode acarretar problemas graves para a......
Música para o coração01/04/19As notas musicais acalmam a mente e o corpo e podem ser grandes aliadas quando se trata da saúde, principalmente de pessoas hipertensas segundo pesquisa Por Tuanny de Paula A música movimenta as pessoas. A combinação de ondas sonoras proporciona diversos sentimentos dentro da gente. Alegria, tristeza, exaltação. O coração acelera e se acalma com as batidas......

Voltar para NOTÍCIAS