Postado em 30 de Abril às 08h39

Ônibus consultório

Gestão Pública (24)

Veículos adaptados para atendimento médico e odontológico oferecem serviços o ano todo

A quinta maior cidade do Paraná, Cascavel, transformou uma ação esporádica de saúde em um projeto anual que tem mudado os índices de prevenção de doenças no município. É o primeiro projeto no Brasil a oferecer atendimento médico e odontológico em consultórios móveis, por meio de ônibus sanitariamente adaptados com ambulatório, salas de triagem e enfermagem, recepção, elevador de acesso e banheiros.

A diferença para os demais projetos espalhados pelo País é que os dois ônibus adaptados pela Prefeitura prestam atendimento durante todo ano, funcionando como postos de saúde móveis.

“O atendimento possibilita melhora nos indicadores de saúde do município, como a detecção precoce de doenças, o desenvolvimento de planos de intervenção em territórios que apresentem riscos à saúde e a ampliação de ações preventivas.” Ali Haidar, gerente de atenção primária à saúde do município.

Comboio da Saúde

O projeto chamado Comboio da Saúde, conta com equipe multidisciplinar formada por médicos, dentistas, enfermeiros, psicólogos, nutricionistas e/ou assistente social.

Os ônibus possuem equipamentos com desfibrilador automático, oxímetro, estetoscópio, aparelho para eletrocardiograma, além de computadores e impressoras. Os consultórios móveis possibilitam a realização de exames preventivos, testes rápidos e promovem ações de prevenção à saúde para atender demanda reprimida das Unidades de Saúde. Todos os atendimentos são registrados no sistema de saúde do município.

Serviços

Os ônibus permanecem em cada local (bairro ou comunidade) por, no mínimo, duas semanas, com atendimento das 8h às 11h e das 13h30 às 17h30, de segunda a sexta. Além do atendimento médico e odontológico, o projeto será ampliado neste ano para o atendimento de animais, por meio do castramóvel.

De acordo com o gerente de atenção primária à saúde do município, Ali Haidar, em oito meses, o projeto fez 4.000 consultas e 3.000 procedimentos/exames na unidade de atendimento clínico, são de 20 a 30 consultas por dia.

* Fotos Divulgação/PMC

Veja também

Hoje Brumadinho...e amanhã?16/04/19O alarme não soou e quando se percebeu, a lama já arrastava tudo o que estava pela frente. Por Tuanny de Paula Sem aviso e um barulho estrondoso. Esse é o relato dos moradores do município de Brumadinho/MG sobre o rompimento da barragem na Mina Córrego do Feijão, administrada pela empresa Vale. O desastre aconteceu no dia 25 de janeiro de 2019, durante o meio dia. Em questão de 90 segundos, mais de 11,7 milhões de metros cúbicos de lama se espalharam......
SC em alerta com a chuva17/01/18Treze municípios catarinenses registram ocorrências por causa das chuvas e Defesa Civil alerta para o risco de deslizamentos. Foto: Eveline Poncio/NSC TV As chuvas registradas em Santa Catarina nesta terça-feira (16) e madrugada de quarta-feira (17) causaram estragos pontuais como deslizamentos, alagamentos e inundações em 13 municípios. Até......
Horta comunitária13/10/17Proporcionando alimento, integração social e qualidade de vida. Reportagem: Daiana Verdério O sol ainda se insinua no horizonte quando o dia começa na horta comunitária do Conjunto Guaiapó, em Maringá, Paraná. Em meio aos canteiros de verduras e legumes transitam homens e......

Voltar para NOTÍCIAS