Postado em 22 de Setembro de 2017 às 15h04

Estiagem traz prejuízos para SC

Resp. Ambiental (35)

Falta de chuvas já resulta em prejuízos para lavouras de trigo.

A falta de chuvas começa a preocupar os produtores catarinenses de trigo. A estiagem já prejudica as lavouras, que estão em fase de florescimento, e as projeções são de uma safra 2017/18 até 30% menor do que a safra passada. As informações estão no Boletim Agropecuário publicado pelo Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Epagri/Cepa).

A produção catarinense de trigo deve ser de 163,4 mil toneladas na próxima safra, contra 229 mil toneladas colhidas na safra 2016/17. A queda na produção de trigo pode ser explicada também pela redução na área plantada, que passou de 69 mil hectares para 50,9 mil hectares este ano, uma queda de 26%. Esse cenário é observado em todas as importantes microrregiões produtoras de trigo no estado, com destaque para Canoinhas (-38%), Chapecó (-17%), Joaçaba (-28%), Curitibanos (-29%) e Xanxerê (-25%).

O engenheiro agrônomo e analista do Cepa/Epagri, João Rogério Alves, explica que a estiagem alcançou as lavouras de trigo em plena fase de floração e o período seco compromete a produção futura. “Sem chuvas consistentes desde o dia 23 de agosto, as lavouras em sua maioria se desenvolveram em condições de falta de chuvas, resultando em plantas com porte baixo e com poucos perfilhos. Com plantas em fase de floração e enchimento de grão, a umidade no solo é considerada essencial. Se as chuvas previstas para ocorrem entre os dias 25 ou 30 deste mês não ocorrer, a situação das lavouras tende a piorar”, ressalta.

 

*Fonte: MB Comunicação

Veja também

Fim dos canudinhos15/05/19Santa Catarina proíbe uso de canudos plásticos em estabelecimentos comerciais A partir de 15 de maio de 2020, os estabelecimentos comerciais de Santa Catarina não poderão mais usar canudos plásticos entre seus utensílios de serviço aos clientes. A Lei 17.727 sancionada no dia 13 de maio deste ano obriga os locais a usarem canudos fabricados com produtos biodegradáveis ou similares e prevê multa de R$1.000 para quem descumprir a......
Aeroporto RIOgaleão recebe reconhecimento internacional20/11/17RIOgaleão recebe Menção Honrosa na conferência internacional Airports Going Green pelo projeto Ciclo Orgânico. Pelo segundo ano consecutivo, o RIOgaleão recebe menção honrosa, na 10ª Conferência Airports Going Green, realizada em Dallas, no Texas (EUA). A entidade concedeu o prêmio ao Aeroporto Internacional Tom Jobim pelo......
Mercado Eco Fashion!18/12/19 Moda sustentável ganha as prateleiras e desperta indústria têxtil para produção e consumo conscientes Por Keli Magri Quantas peças de roupa nova você compra por ano? Qual o tempo de uso delas? O que......

Voltar para NOTÍCIAS