Postado em 30 de Junho de 2017 às 09h36

Aplicativo facilita as denúncias ambientais

Gestão Pública (24)

App da Secretaria de Meio Ambiente de SP está disponível para Android e iOS

A Secretaria de Meio Ambiente de São Paulo apresentou no último mês, uma nova plataforma de auxílio para a população fazer denúncias contra crimes ambientais. Trata-se do Denúncia Ambiente, um aplicativo que permite às pessoas delatarem crimes relacionados ao meio ambiente (como desmatamento, queimadas, tráfico de animais silvestres, poluição do ar etc.).

De acordo com a publicação do site da Secretaria, a nova ferramenta permitirá que os seus usuários denunciem de maneira anônima, através de fotos, áudios ou vídeos de até 30 segundos. Para confirmar a denúncia, é necessário anexar, ao menos, uma evidencia do delito.

O app está disponível para download no sistema Android e iOS. Com o novo programa, a linha telefônica direta para este serviço, o “Disque Ambiente”, será em breve desativada e as denúncias concentradas no aplicativo.

Veja também

SC em alerta com a chuva17/01/18Treze municípios catarinenses registram ocorrências por causa das chuvas e Defesa Civil alerta para o risco de deslizamentos. Foto: Eveline Poncio/NSC TV As chuvas registradas em Santa Catarina nesta terça-feira (16) e madrugada de quarta-feira (17) causaram estragos pontuais como deslizamentos, alagamentos e inundações em 13 municípios. Até às 11h30 desta quarta, são 13 desabrigados, 10 desalojados e 12 residências atingidas. Em Gaspar, na localidade de Santa Terezinha, um abrigo......
Horta comunitária13/10/17Proporcionando alimento, integração social e qualidade de vida. Reportagem: Daiana Verdério O sol ainda se insinua no horizonte quando o dia começa na horta comunitária do Conjunto Guaiapó, em Maringá, Paraná. Em meio aos canteiros de verduras e legumes transitam homens e......
Cultivo de ostras e mexilhões interditado em SC24/10/17Comercialização de ostras e mexilhões continua interditada durante esta semana. A interdição da comercialização de ostras, vieiras, mexilhões e berbigões devido à presença de toxina paralisante (PSP) no Litoral de Santa Catarina, anunciada na última semana pela Secretaria de......

Voltar para NOTÍCIAS